Salar de Uyuni: dia 3, o final

por Jackie Mota 19.mar.2012

O último dia do passeio é o mais cansativo dos 3. A gente acorda super cedo – 4h20m – e corre para ver os gêiseres. É legal, mas às 5h é muito, muito frio. Frio do nível paralisante que impede de tirar uma foto digna.

 
 

Preferi bem mais a segunda parada, as águas termais enquanto víamos o sol nascer. “Aí sim eu vi vantagem”. Sem contar que adorei o termo em inglês “hot springs”. Achei quase tão melódico quanto handkerchief . Mas deixando minhas preferências sobre a língua inglesa de lado e voltando ao passeio, tivemos uns 40 minutos para ficar lá no quentinho, mas acho que ficamos mais. Estava uma delícia!

 
Posando pra foto. Depois entramos de roupa de banho 
 

É nessa parada mesmo que tomamos o café da manhã, finalmente. Depois andamos bastante tempo no carro e passamos pelo que chamam de Deserto Salvador Dalí, pela Lagoa Branca e pela Verde. Nessa última há uma montanha cujo cume está a 6 mil metros de altitude. É muito procurada pelos esportistas para escalada porque você chega a um ponto altíssimo, mas partindo de um “plano” já alto, a 4,8 mil metros.

Seguimos até perto da fronteira com o Chile e esperamos a chegada do transfer de um dos casais, que seguiria para aquele país. Nesse ponto quem segue pro Chile precisa apresentar o bilhete do parque comprado no dia anterior. Essa é uma das opções de roteiro, seguir para San Pedro de Atacama. A outra é voltar para Uyuni.

E olha, essa opção é chata, viu? Daí em diante é só uma longa volta. Fizemos uma parada para almoçar – arroz, atum e salada e gelatina de sobremesa – em uma pequena vila, onde dá pra usar o banheiro por 1 boliviano. Depois fizemos ainda uma parada para usar o banheiro e comprar bebidas em San Cristobal. No caminho vimos uma empresa que explora o Boro, o acampamento dos trabalhadores, uma plantação de quinua e outras coisas que tornam a viagem menos entendiante, mas é muito tempo sacolejando no carro. Chegamos em Uyuni por volta das 16h.

E é isso. Esse terceiro dia é bem cansativo, por isso ficar de molho nas águas termais é providencial. Bom, aí acabou o passeio em si. E para nós começou uma peregrinação para chegar a Copacabana (a boliviana e não a princesinha do mar). Assunto para o próximo post!

 

 
 
 
Leia o relato completo sobre o Salar de Uyuni:
 

Seguro com desconto à vista, em reais e parcelado

ORGANIZE SUA VIAGEM

Espero que tenha gostado deste conteúdo, produzido com cuidado e carinho. Posso te pedir uma coisa? Ao organizar sua viagem, utilize os links abaixo. Todas as empresas e serviços indicados foram testados pessoalmente e são as opções que usamos. Ao utilizar nossos links, você gera uma pequena comissão para a gente, o que nos ajuda a manter o blog e estimula o nosso trabalho. E você não paga nada a mais. Agradecemos muito o seu apoio!

PROMOÇÃO atual: Até dia 21/11 a Seguros Promo está com QUINZE % de desconto! Clique aqui e use o cupom BLACK 

 

  • SEGURO VIAGEM: É obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado Schengen, além de países como Cuba e Venezuela;
    Altamente recomendável em caso de gravidez, já que seguros de cartões de crédito não cobrem grávidas, práticas de esportes radicais e outros casos. Os gastos com atendimento médico no exterior podem ser exorbitantes! Nos EUA uma internação diária pode custar cerca de US$ 2 mil e um parto vaginal e sem anestesia em 2018 custa mais de US$ 32 mil.
    O seguro também te auxilia com imprevistos como cancelamento de viagem e extravio de bagagem. Para encontrar o plano mais adequado para sua gravidez leia esse post.
    E para garantir o melhor preço pesquise na Real Seguro Viagem por esse link que te dá 10% de desconto e você pode pagar em até 6 x sem juros, e na Seguros Promo, onde você pode usar o cupom VIAJESIM5 e ganhar 5% de desconto. E você ainda tem MAIS 5%OFF para pagamento via boleto.

Compre já e economize!



Publicado por Jackie Mota

Uso minha formação em jornalismo e minha experiência organizando as viagens da minha própria família para escrever posts didáticos e detalhados para poupar o SEU tempo. Nos meus textos você encontra informações práticas apuradas com responsabilidade e organizadas de acordo com as necessidades do viajante. Referências histórias e análises sobre a política e impactos do turismo também estão presentes no meu trabalho para que você viaje bem informado, seguro e consciente - sou especialista em Relações Internacionais e Mestre em Estudos Estratégicos da Segurança Internacional.

outros artigos de Jackie Mota »

Comentários

  1. Thais Neuber
    21 mar 2016

    Boa noite Jackie,
    no terceiro e ultimo dia desse passeio, que horas chega a fronteira com o Chile ?
    vou para o Atacama e gostaria de saber mais ou menos qual o horario estarei para chegar no Hostel em San Pedro do Atacama.

    Obrigada desde já.

    • 28 mar 2016

      Ainda pela manhã, Thais. Pq nesse dia levantamos antes do sol nascer.
      abs!

  2. Gabriela
    25 nov 2013

    Olá, como vai?
    Gostaria de saber que horário vocês chegaram, mais ou menos, no terceiro dia, em Uyuni e depois em La Paz, para ter uma ideia de horário de voo que eu compro para a volta a São Paulo.

    Obrigada,

    • 25 nov 2013

      Oi Gabrieola, como está escrito no post, chegamos a Uyuni por volta de 16h.
      Só chegamos a La Paz no dia seguinte pela manhã, por volta das 8h.
      Abs,

  3. 30 abr 2013

    Qual foi a agencia contratada para esse passeio, ou se foi um guia particular como entrar em contato ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.