Shwedagon, o impressionante templo do Myanmar

por Jackie Mota 27.ago.2014

O guia Lonely Planet descreve o Shwedagon Pagoda como o templo mais impressionante do Sudeste Asiático. Eu não posso afirmar isso, pois não estive nem em todos os países da região, imagine conhecer cada templo. Mas posso afirmar, sem sombra de dúvidas, que ele foi o templo mais impressionante que vi em toda a minha vida.

Impressionante: Que provoca impressão; que impressiona os sentidos por ser admirável; fascinante. Que comove; emocionante. Que causa deslumbramento; surpreendente.

Além de ser, arquitetonicamente, admirável e fascinante, cheio de detalhes e simbologias, foi no Pagode Shwedagon que vi o céu mais lindo dos meus 31 anos de vida, capaz de me emocionar pelo privilégio daquela vista. Ali, sentados no chão desse complexo que é ao mesmo tempo local da mais profunda religiosidade e cenário da vida cotidiana e de lazer dos birmaneses, presenciamos a grande estupa dourada se destacar cada vez mais sob o céu que se tingia de azul para laranja, rosa, lilás até ficar negro.

O nome Shwedagon é composto das palavras shwe, ouro, e dagon, que é o nome antigo de Yangon, a cidade onde ele está localizado – e que, durante o domínio britânico se chamou Ragoon. Segundo a lenda, ele seria o pagode mais antigo do mundo, pois existiria há 2.600 anos, mas segundo os vestígios encontrados em pesquisas, ele teria sido construído entre os séculos VI e X. Devido a vários terremotos e saques, ele foi reconstruído muitas vezes, então o que vemos hoje é uma sobreposição de diversas fases.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

O que mais me impressionou em Shwedagon, além é claro da gigantesca estupa dourada – 325 pés de altura (cerca de 98 metros), coberta por placas de ouro – foi a importância dela pros Birmaneses e como eles tomam posse mesmo do local. Na nossa visita presenciamos os locais meditando, orando, fazendo oferendas, em silêncio contemplativo, como eu esperava, mas, também, ao mesmo tempo, junto e convivendo em paz, pessoas conversando, passeando com amigos e família, rindo e até festejando, como vimos uma festa de aniversário de criança acontecendo nas muitas construções que cercam a estupa. Em alguns momentos parecia até um parque de diversões mesmo, barulhento, cheio de luzes e cores, mas daí a um segundo víamos outro grupo super concentrado em contemplação. Então apenas sentar e olhar como as pessoas vivenciam Shwedagon era uma grande atração.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Além dos usos religiosos e de lazer, Shwedagon também tem presença na vida política do país. Ali se deu o famoso discurso de Aung San Suu Kyi em 1988 e também foi cenário da revolta dos monges em 2007 e estão enterrados lá Supayalat, a última rainha da Birmânia, U Thant , ex-Secretário Geral da ONU e a mãe de Aung San Suu Kyi, Daw Khin Kyi. Sabendo disso tudo é triste pensar no impacto que teve a dominação inglesa quando Shwedagon ficou sob controle militar britânico por 77 anos, até 1929.

 

Minidicionário

Estupa: também zedi ou chedi, tem de todos os tamanhos, desde bem pequenas até gigantes, como Shwedagon. Originalmente era usada para guardar restos mortais. Hoje podem ser para guardar relíquias, comemorar alguma data ou como símbolo de aspectos teológicos budistas. A estupa também pode simbolizar o caminho de Buda para a iluminação. Normalmente têm uma base quadrada, uma parte esférica central e uma sombrinha no topo.

Pagoda: paya, em birmanês, e pagode, em português. É o conjunto de estupa mais os templos que a cercam, como em Shwedagon.

Templo: como Buda não é um Deus, não existe um lugar de veneração, como os templos. Eles usam a palavra Ku, que tem  origem em “cave” e para eles é um lugar de meditação.

O Shwedagon Paya, é composto da estupa e mais 64 pagodes de estilos e 4 templos maiores nos pontos cardeais. Segundo a lenda, dois comerciantes de Asitanjana estavam no país Mon logo após Siddhartha ter atingido a iluminação, há 2500 anos e decidiram visitá-lo, presenteando-o com bolos de mel. Após Buda comer os bolos, os imãos lhe pediram um presente e receberam oito fios de cabelo de Buda.

Esses fios estariam guardados em Shwedagon. A estupa teria recebido sua cobertura de ouro a partir do século XV, quando a rainha Shin Sawbu teria doado seu próprio peso em ouro – 88 libras – para isso. O ouro foi transformado em pequenas folhas e aplicados à estupa. Mais tarde o rei Dhammazedi teria doado 4 vezes seu peso e de sua esposa em ouro e assim a tradição continuou. Um sino de 30 toneladas foi doado mais tarde, mas roubado no século XVII e acabou afundando no rio. A história se repetiu, quando outro sino foi roubado durante a I Guerra Anglo-Birmanesa, também afundando no rio. Este pelo menos foi recuperado mais tarde, em 1926.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Visita

A entrada (US$ 8) dá direto ao uso de um lift para chegar ao terraço principal, mas nós optamos por subir por uma das 4 escadas. Utilizamos a escada sul, que tem na entrada a imagem de dois Chinthes (mas estava em obras, uma pena) e é coberta, portanto não dá visão da estupa enquanto se caminha para ela, e totalmente repleto de pequenas lojinhas que vendem desde flores para oferta a Buda até bugigangas chinesas. Então, o impacto quando se chega ao terraço é enorme. A escada Oeste é a única sem lojinhas no caminho. A entrada Norte também tem imagem de dois Chinthes, lojas e o Mausoléu dos Soldados Heróicos, em honra dos que lutaram na independência e a entrada Leste é onde ficavam, originalmente, as inscrições que contam a história do local, mas que hoje estão na esquina Norte do terraço.

O topo da escada leva ao terraço principal, que é o do nível intermediário e onde estão a estupa e todos os pagodes menores. Os outros dois terraços de Shwedagon são o de cima, que é o mais sagrado e onde apenas homens podem ir (estrangeiros são proibidos), e o de baixo, que é uma faixa que circunda o templo por fora, acessível por saídas laterais das escadas.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Escada sul

seguro_viagem_asia_468x60

Fomos direto ao pátio principal e começamos nosso passeio como manda a tradição: dando a volta na estupa no sentido horário. Fomos parando para ver alguns dos inúmeros detalhes da construção e observar as pessoas. Os birmaneses acreditam que Shwedagon contém 9 maravilhas, imagens e locais sagrados cuja reverência pode lhes conceder a realização de seus desejos.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Myanmar Birmânia Burma Bagan Yangon 2060

Além das 9 maravilhas, há altares para os Budas de cada dia da semana e uma tradição é “lavar“o “seu”Buda, ou seja, banhar o Buda correspondente ao dia da semana em que você nasceu. Como nasci em uma segunda-feira, fiz questão de ir “lavar meu Buda” na esquina da segunda.

Myanmar Birmânia Burma Yangon Shwedagon Pagoda

Lavando meu Buda

E, por fim, quando o sol começou a se despedir, nos sentamos num canto e ficamos só observando o espetáculo. Por isso, recomendo que a visita seja feita na parte da tarde. Não preciso ir muito no fim do dia, pois a visita, se você quiser ver os templos de todo o complexo, vai demorar bastante. Indo após o almoço dá para aproveitar e e também ter a maravilhosa vista do pôr-do-sol e, ainda, ver a estupa iluminada à noite.

Myanmar Birmânia Burma Bagan Yangon 2212

O céu do Myanmar

Myanmar Birmânia Burma Bagan Yangon 2199

Cores de um céu inesquecível

Esse vídeo abaixo nós fizemos quando estávamos sentados só olhando o espetáculo. Ao nosso lado esse senhor estava cantando e foi uma delícia ser embalados por essa música. Em seguida, um monge veio conversar conosco e aproveitamos para tirar algumas dúvidas com ele. E levamos uma bronca: ele acompanhava futebol e disse que sabia que os estádios do Brasil para a Copa do mundo estavam atrasados. Juro! Então ficamos conversando sobre as diferenças entre as nossas culturas.

Shwedagon Pagoda from Jackeline Mota on Vimeo.

 Não perca tempo: ache o melhor preço de seguro para sua viagem 

Infos práticas

Site: http://www.shwedagonpagoda.com/
Localização: A entrada sul fica no fim da Shwedagon Pagoda Road
Funcionamento: diariamente, de 4h às 22h; última admissão às 21h45. Exceto nos dias seguintes ao Waxing Day of Tabaung, em março, e ao Waxing Day of Wakhaung, em junho.
A entrada custa US$ 8.
Há caixas de doações distribuidas ao longo do pagode. É possível fazer doações com recibo sob o nome da família, contatando o Board of Trustees Office.
Tempo para visitar: Reserve pelo menos umas 3 horas. E a minha dica é para ir à tarde e esperar o sol se pôr.

Myanmar Birmânia Burma Bagan Yangon 2218

Noite no templo

seguro_viagem_asia_200x200

 

 

Índice de posts sobre o Myanmar

 
 
instagram viajesim

Fotos: Viaje Sim!

ORGANIZE SUA VIAGEM

Espero que tenha gostado deste conteúdo, produzido com cuidado e carinho. Posso te pedir uma coisa? Ao organizar sua viagem, utilize os links abaixo. Todas as empresas e serviços indicados foram testados pessoalmente e são as opções que usamos. Ao utilizar nossos links, você gera uma pequena comissão para a gente, o que nos ajuda a manter o blog e estimula o nosso trabalho. E você não paga nada a mais. Agradecemos muito o seu apoio!

PROMOÇÃO atual: Somente 02 e 03 de dezembro a Seguros Promo está com VINTE % de desconto! Clique aqui e use o cupom MONDAY (E consiga + 5% de desconto para pagamento via boleto bancário) 

  • SEGURO VIAGEM: É obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado Schengen, além de países como Cuba e Venezuela;
    Altamente recomendável em caso de gravidez, já que seguros de cartões de crédito não cobrem grávidas, práticas de esportes radicais e outros casos. Os gastos com atendimento médico no exterior podem ser exorbitantes! Nos EUA uma internação diária pode custar cerca de US$ 2 mil e um parto vaginal e sem anestesia em 2018 custa mais de US$ 32 mil.
    O seguro também te auxilia com imprevistos como cancelamento de viagem e extravio de bagagem. Para encontrar o plano mais adequado para sua gravidez leia esse post.
    E para garantir o melhor preço pesquise na Real Seguro Viagem por esse link que te dá 10% de desconto e você pode pagar em até 6 x sem juros, e na Seguros Promo, onde você pode usar o cupom VIAJESIM5 e ganhar 5% de desconto. E você ainda tem MAIS 5%OFF para pagamento via boleto.

Compre já e economize!



Publicado por Jackie Mota

Uso minha formação em jornalismo e minha experiência organizando as viagens da minha própria família para escrever posts didáticos e detalhados para poupar o SEU tempo. Nos meus textos você encontra informações práticas apuradas com responsabilidade e organizadas de acordo com as necessidades do viajante. Referências histórias e análises sobre a política e impactos do turismo também estão presentes no meu trabalho para que você viaje bem informado, seguro e consciente - sou especialista em Relações Internacionais e Mestre em Estudos Estratégicos da Segurança Internacional.

outros artigos de Jackie Mota »

Comentários

  1. ANDRE P P R VAUCLIN
    22 out 2016

    Excelente informações ja copiei tudo, vamos pra la agora em novembro

    Voces foram ao parque proximo?

    • 25 out 2016

      Qual parque vc se refere? Acho que lembro de um parque grande nessa área, mas não fomos a nenhum parque não. Só fomos as principais templos, batemos um pouco de perna pela região do porto, centro, chegamos ate o bairro indiano e voltamos. Abs,

  2. claudio roberto
    23 nov 2014

    excelente explanação sobre as maravilhas de Myanmar, graças aos seus relatos , decidi ir à Birmânia. gostaria que vc me enviasse o email do Sr. Aung Aung de Began . grato – PARABÉNS PELA SUA VIAGEM MEMORÁVEL.

    • 23 nov 2014

      Que bom que gostou, Claudio. Estou enviando o email pra vc.
      abs!

  3. Luiz Eduardo de Barros Leal Reis
    28 ago 2014

    Maravilha, viajei no seu relato.

    • 28 ago 2014

      Que bacana que gostou, Luiz.
      abs e obrigada pelo comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.