Sobe para 1,1% IOF para compra de moeda estrangeira em espécie

por Jackie Mota 02.maio.2016

A segunda-feira começou com más notícias para quem tem viagem agendada para o exterior: um decreto presidencial elevou o Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF) sobre compra de moedas estrangeiras em espécie, ou seja papel moeda, dos atuais 0,38% para 1,1%. A  medida foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (segunda-feira, 02/05) e começa a valer a partir de amanhã, terça-feira (03/05), segundo a Receita Federal. O novo decreto altera documento anterior nº 6.306, de 2007, que regulamenta o IOF.

O Globo fez as contas para ilustrar a diferença nos gastos do turista. “Com a nova alíquota, o turista que comprar US$ 100 ao câmbio de R$ 3,60, por exemplo, pagará R$ 3,96 de imposto em vez de R$ 1,36 que é cobrado de IOF até hoje”.

Vale lembrar que o IOF sobre pagamentos em moeda estrangeira em cartões de crédito, cartões de débito, saques em moeda estrangeira no exterior, compras de cheques de viagem e carregamento de cartões pré-pagos com moeda estrangeira é de 6,38%.

Com a cotação das moedas estrangeiras em alta e ainda mais custos com tributação, o jeito é procurar outras formas de economizar para manter a sua viagem. Veja algumas dicas de economia aqui do Viaje Sim!:

Aprenda a juntar e viajar usando milhas;
Maximize sua passagem aérea com o Stopover;
Descubra quanto tempo antes reservar hotel para ter o melhor preço;
Estudantes podem ter desconto em passagens aéreas: descubra como;
Conheça o Zarpo, um site com hotéis de luxo com desconto;
Conheça um site para alugar hotéis por hora;
Super dica para economizar em aluguel de carro em Portugal;
Veja como economizar em Ushuaia (Argentina);

Achou a notícia útil? Compartilhe!

 

ORGANIZE SUA VIAGEM

Espero que tenha gostado deste conteúdo, produzido com cuidado e carinho. Posso te pedir uma coisa? Ao organizar sua viagem, utilize os links abaixo. Todas as empresas e serviços indicados foram testados pessoalmente e são as opções que usamos. Ao utilizar nossos links, você gera uma pequena comissão para a gente, o que nos ajuda a manter o blog e estimula o nosso trabalho. E você não paga nada a mais. Agradecemos muito o seu apoio!

 

  • SEGURO VIAGEM: É obrigatório nos países da Europa que fazem parte do Tratado Schengen, além de países como Cuba e Venezuela. Altamente recomendável em caso de gravidez, já que seguros de cartões de crédito não cobrem grávidas, práticas de esportes radicais e outros casos. Os gastos com atendimento médico no exterior podem ser exorbitantes! Nos EUA uma internação diária pode custar cerca de US$ 2 mil e um parto vaginal e sem anestesia em 2018 custa mais de US$ 32 mil. O seguro também te auxilia com imprevistos como cancelamento de viagem e extravio de bagagem. Para encontrar o plano mais adequado para sua gravidez leia esse post. E para garantir o melhor preço pesquise na Real Seguro Viagem, onde você pode pagar em até 6 x sem juros, e na Seguros Promo, onde você pode usar o cupom VIAJESIM5 e ganhar 5% de desconto. E você ainda tem MAIS 5%OFF para pagamento via boleto. Compre já e economize!

PROMOÇÃO: 10% de desconto + 5%OFF para pagamento via boleto para viagens feitas até 4 de fevereiro. Clique nesse link e use o cupom FERIAS na página de pagamento. 



Publicado por Jackie Mota

Uso minha formação em jornalismo e minha experiência organizando as viagens da minha própria família para escrever posts didáticos e detalhados para poupar o SEU tempo. Nos meus textos você encontra informações práticas apuradas com responsabilidade e organizadas de acordo com as necessidades do viajante. Referências histórias e análises sobre a política e impactos do turismo também estão presentes no meu trabalho para que você viaje bem informado, seguro e consciente - sou especialista em Relações Internacionais e Mestre em Estudos Estratégicos da Segurança Internacional.

outros artigos de Jackie Mota »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.