Festinha de aniversário homemade: aniversário pet

Eu acho que não tem treinamento melhor para a maternidade do que a maternidade de 4 patas. Ter “filhos” cachorros te ensina, de certa forma, a cuidar de um serzinho que depende de você, a perder o nojo por substâncias expelidas pelo corpo do seu filho, a passar noites em claro caso ele esteja doente, a ter que resistir a carinhas fofíssimas e botar limites para o bem do seu filhote e, principalmente, te ensina que não existe coisa mais feliz nesta vida do que ver quem você ama feliz. Não tem preço mesmo.

Eu levo muito a sério a minha maternidade de filhos de 4 patas. Tanto, que incluí até mesmo uma comemoração de aniversário dos nossos filhos na nossa rotina. E fiz como eu imagino que faria a dos nossos filhos humanos: home made, em família. Como achei que a festinha ficou bonitinha e gostosa, e bem econômica nos gastos, divido aqui os preparativos. Acho que a parte de decoração e guloseimas pode ser aproveitada para uma festinha infantil. Espero que gostem do que organizamos para os 2 aninhos do Maquiavel e os 4 do Foucault.

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement001

Momento parabéns em família

Homemade:: Eu tenho ótimas recordações das pequenas festinhas que minha mãe organizou para mim em nossa casa. Cheguei a ter uma big festa uma vez, com painel alugado e tudo comprado pronto para muitas crianças, mas são as festinhas na nossa sala e com tudo feito por mamis que me trazem aquele gostinho de infância feliz. Sou apaixonada por pastel até hoje porque ele me traz a lembrança daqueles dias em que mamãe fritava pastel o dia todo e me deixava comer alguns antes dos convidados chegarem “porque eu era a aniversariante”.

Sempre imaginei que quando tiver filhos farei festinhas parecidas, produzidas por mim, marido, mamãe, conversando até tarde na cozinha enquanto o bolo está no forno e cercado pelos amigos mais íntimos. E então foi assim que planejei a comemoração dos meus “meninos”. Eu e mamãe faríamos o bolo, eu providenciaria enfeites bonitinhos, mas sem um gastar muito dinheiro, e juntaríamos os amiguinhos deles para brincar.

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement063

Aniversatiante 1: Esse é o Maqui

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement174

Aniversariante 2: esse é o Foucault

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement081

Uma das convidadas de chapeuzinho (ownnn)

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement111

Maqui e seu amigo Vico não compreenderam bem a proposta do chapéu

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement191

Amo essa foto do Foucault: ele ficava ali roubando gelo do balde

Cachorrada:: Como estamos falando de cachorros (sim, eu consigo me recordar, às vezes, que meus filhos são cachorros hehe), tivemos alguns cuidados especiais. Para começar, não dava para ser em casa. Reservei um espaço na Lagoa, o parcão, que é próprio para cachorros. Tem árvores para protegê-los do sol e muito espaço para eles correrem, mas é cercado, então podemos ficar tranquilos. Não levei nenhuma comida que ficasse exposta, pois além do espaço ser aberto, haveria vários cachorrinhos que poderiam tentar subir na mesa e, por isso também, nada de chocolate (que é tóxico para cachorros) foi levado para o local. Além disso providenciamos saquinhos cata-caca, lenços umedecidos e potinhos para água para os cães. Tirando esses “diferenciais” acho que o resto pode ser aproveitado por quem planeja uma festa de crianças.

Enviei um convite pelo Facebook apenas para meus amigos que têm cães e avisei a todos que estava realizando a festinha e que, caso alguém quisesse, era só me avisar que eu enviaria o convite. Achei melhor fazer assim do que enviar convite para todos e alguém se sentir na obrigação de ir, mesmo sem ter cão, para “no agradar”. Eu sou super apaixonada pelos meus cães e quem me segue em qualquer rede social vê como eu sou grudada neles, mas tenho plena consciência que para muita gente seria um programa de índio. Minha melhor amiga mesmo não curte muito cachorros e eu não vi problema nenhum em ela não estar presente, por exemplo. Então nada de obrigar ninguém a viver o “meu” mundo.

Decoração: Escolhi um tema para a festinha: um dos meus filmes preferidos, Up, altas aventuras. O filme fala de viagens e tem o meio de locomoção que eu mais amaria que existisse na vida real: na minha própria casa. Além disso, a história de amor de Carl e Ellie sempre me emociona, a cachoeira retratada (Salto Ángel) está na minha Bucket list) e tem cães na história. Não poderia ser mais apropriado!

Pesquisei na internet algumas opções de enfeites e até achei empresas que fazem tudo “personalizado” (bem entre aspas porque acho que, na verdade, esse personalizado de hoje em dia é na verdade “caricato” e anda tudo tão igual que está mais para em série do que para personalizado), mas achei tudo bem carinho. Como a idéia não era ter muitos gastos, pesquisei por sites de download gratuito e achei um site da própria Disney que disponibiliza modelos para imprimir e montar (veja aqui). Salvei, imprimi em papel mais grosso (fotográfico) e montei alguns bonecos. Estava pronta a decoração principal, que achei bem fofinha.

Para completar, imprimi algumas etiquetas com personagens do filmes para colar em balões, chapeuzinhos e na toalha da mesa. E usei os descartáveis bem coloridos, copos, papel de bala, as tolhas, bem no clima do tema da festa. Isso foi ótimo porque eu já tinha algumas coisas aqui em casa, mas não teria em uma única cor. Então juntei os copos que sobraram de um encontrinho, talheres de outro e acabei tendo que comprar pouca coisa. Minha única outra compra foi uma suqueira. Eu já queria uma e no Mercado Livre vi que ofereciam, pelo mesmo preço, a opção de um adesivo no tema escolhido. Pronto, encomendei uma no tema da festa e assim fiquei com minha suqueira e mais um item decorado (aqui há alguns vendedores).

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement014

A mesa ficou assim: bem colorida

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement029

Etiquetas nos chapeuzinhos

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement317

As quentinhas com o bolo também ganharam etiquetas

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement037

A suqueira com adesivo (custa o mesmo sem ele): colocamos chá gelado nela, com rodelas de limão

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement019

O bonequinho do Carl: fofura master!

Não esqueci de providenciar a roupinha especial de aniversariante. Afinal é dia de roupa nova, não? Comprei gravatinhas de crochê fofíssimas para os dois. Azul para o Foucault e vermelha para o Maqui. Ficaram irresistíveis de tanta fofura!

Guloseimas:: Para os “comes” pedi a ajuda de mamis e fizemos um clássico da minha infância: bolo gelado! Esse bolo era feito para facilitar a vida das mães. Podia ser feito até uns 2 dias antes da festa e armazenado na geladeira sem problemas. E na hora de “cortar” o bolo não tinha trabalho, era só distribuir mesmo. Para nossa festinha era perfeito, pois ficaria guardadinho, bem protegido da cachorrada.

Então mamãe veio um dia antes para cá e fizemos tudo em casa. A receita é simplíssima: massa de bolo comum, o recheio de sua preferência, leite de coco e leite condensado para molhar o bolo (você pode acrescentar coco ralado a essa mistura, caso goste, ou usar guaraná, que também fica ótimo) e papel alumínio ou quentinhas para guardá-lo. A gente fez massa branca e recheio de doce de leite caseiro (leite condensado cozido na panela de pressão). O passo a passo é simples. Você precisa montar o bolo com recheio (pode fazer dois tabuleiros e colocar o recheio no meio, ou cortar ao meio uma massa e recheá-la), fatiá-lo, aí coloca na quentinha/papel e rega com uma concha da mistura de leite de coco/guaraná. Depois guarde na geladeira. Ele fica delicioso no dia seguinte, molhadinho e geladinho =)

Além do bolo embalamos a clássica bala de coco e providenciamos bebidas (guaraná e chá, que ficou na suqueira). Não queria levar muita coisa para podermos carregar tudo só nós 3 e também não achei que seria legal ter muita comida com os cachorros no lugar. Mas depois pensei que poderia ter levado uns biscoitos Globo, por exemplo. Bom, fica para o próximo ano a idéia. Para os cachorros levei biscoitos (que ficaram na sacola de lembrancinha) e um “bolo” para o parabéns que nada mais era que aqueles patês de latinha que eu mesma montei.

Presentinhos:: As lembrancinhas eram sacolinhas de papel carimbadas com um “Viaje com seu cachorro” (encomendadas na Carinhas). Eu sou aloka dos carimbos, tenho vários e adoro usá-los em nossa correspondência, cartões de felicitações etc. Então tinha pensado nesse para algumas coisas do Viaje Sim!. Dentro da sacolinha coloquei, além dos biscoitos, uma bolinha para cachorros, que comprei no Saara, em pacotes por dúzia. As sacolinhas ficaram um pouco grandes, mas, mais uma vez, aproveitei algumas que já tinha em casa de outro projetinho, então foi assim mesmo. Se fosse comprar todas, compraria menorzinhas.

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement336

A sacolinha de lembrancinha: sacolas lisas, carimbo e dentro boolinha e biscoito para cães

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement341

Bonequinho do Russel

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement177

Um dos aniversariantes embaixo da mesa

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement022

Bolo, lembrancinhas e enfeites na mesa

 

Feliz aniversário:: Os gastos, no fim, foram poucos, um lanche simples, e não foi para tanta gente, e alguns descartáveis. A diversão foi inesquecível. Passei uma noite ótima com mamãe aqui em casa fazendo tudo juntas, o tipo de momento que eu valorizo. No dia seguinte Rômulo chegou para nos ajudar a levar tudo para o parque, ficou fuçando as sacolas para ver o que tínhamos feito, tentando roubar bolo e balas, aquela zona de festa em família deliciosa. Naquela tarde encontrei amigos que agora são também “pais” de filhos 4 patas, conheci gente com quem convivo virtualmente em grupos sobre cães e os meninos voltaram exaustos de tanto brincar. Não há dúvidas de que valeu a pena demais.

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement143

Mamãe lindona que ama os netinhos (e que tá pedindo netos humanos hehe)

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement270

Parabéns

Festa de aniversário home made festa pet Maquiavel Foucault Dépaysement269

Feliz aniversário meus amores!

Além disso, confirmei que esse é o modelo de comemoração que farei para meus filhotes humanos. Tudo feito em casa, sem estresse, sem pressão, sem investimento financeiro alto, mas com todo amor e dedicação do mundo para que eles tenham um um momento de muita diversão com seus amiguinhos e com quem gosta deles. E certamente ano que vem meus filhotes de 4 patas terão festinha de novo =)

Cresceu no interior de Minas, sempre cercada de livros. Desde criança tem uma alma antiga. Encontrou no Rio o amor da sua vida, com quem ama viajar e se casar (again and again). É mãe de dois buldogues, Maquiavel e Foucault, jornalista e mestre em Estudos Estratégicos.

13 Comments on Festinha de aniversário homemade: aniversário pet

  1. Priscylla
    17 de março de 2015 at 11:28 (5 anos ago)

    Olá, Jaque!! Acompanho há tempos seu blog por aqui e pelo facebook e estou empolgada com a ideia de fazer uma festinha pro meu filhote de 4 patas!! Suas fotos estão maravilhosas! A festa será no parcao da praça Xavier de brito aqui na Tijuca e fiquei curiosa com a questão da reserva. Você teve que alugar/reservar um espaço do parcao da Lagoa? Agradeço se puder me responder! Beijos.

    Responder
    • Jackie Mota
      17 de março de 2015 at 11:40 (5 anos ago)

      OI Priscylla, que legal! Faz sim, vocês vão se divertir muito =) Olha, na lagoa, na época, tinha que reservar sim, mas não se pagava nada. Era só ligar pra Patas e Penas, que na época, era quem administrava o espaço, e deixar reservado. Segundo eles, assim teria a nossa disposição alguém lá pra pegar cadeiras e mesas etc. Mas no dia não tinha ninguém, mas conseguimos pegar no deposito as mesas. bjs,

      Responder
  2. André
    30 de outubro de 2014 at 21:18 (6 anos ago)

    Achei divertidíssimo!!!! A foto do Maquiavel comendo o chapéu é de rolar de rir!

    Responder
  3. Amanda Roth
    25 de agosto de 2014 at 11:21 (6 anos ago)

    Oi Jackie!
    descobri teu blog através da Helô Righetto, adorei!
    Eu tb tenho um filhote canino, o Thor e meu sentimento em relação à ele é exatamente igual ao teu: trato como filho que ainda não tenho, hehehe.
    Gostei da ideia da festinha, já fica uma “desculpa” pra reunir os amigos né?!
    Tu te importarias de passar a receita do bolo? Achei interessante a ideia para o meu aniver, que será agora dia 06/09.
    Bjao!

    Responder
    • Jackie Mota
      25 de agosto de 2014 at 12:00 (6 anos ago)

      Oi Amanda, que bom que está gostando. Pois é, eu trato como filho e amo assim também. Esse ano o Foucault esteve muito doente e só comprovou o quanto eu amo eu esses coriscos: são minha família =)
      Olha, o bolo é assim: faz a massa normal, tipo pão de ló, sua receita de bolo “comum”. Eu faço em tabuleiros pequenos e aí depois eu coloco recheio entre dois tabuleiros, colocando um em cima do outro. Assim fica recheado mais fácil do que cortar cada massa ao meio (mas pode, também, claro). Pro recheio eu cozinhei a lata de leite condensado na panela de pressão, aí vira doce de leite =)
      Bom, aí você corta em fatias e coloca no papel laminado e molha essas fatias, antes de embrulhar, com uma mistura que você pode fazer como gosta mais. Tem gente que põe guaraná (fica bom!!!), outros leite de coco, outros fazem de leite de coco com um pouco de leite moça, e tem também uma receita que é leite condensado, a mesma medida de leite comum, 1 lata de creme de leite e um pacote de coco ralado (só ferver tudo uns mindinhos para misturar bem). Eu não lembro direitinho qual mistura colocamos, mas é isso, normalmente com leite de coco. Você poderia também molhar o bolo todo antes de fatiar, mas acontece que aí o bolo fica mole e despedaça todo.
      Enfim, depois de molhar a fatia, embrulhe-a no papel alumínio e deixe na geladeira de um dia pro outro.
      bjs!

      Responder
      • Amanda Roth
        25 de agosto de 2014 at 14:33 (6 anos ago)

        Jackie!
        muito obrigada pela atenção :-)
        Vou fazer o bolinho e depois te digo como ficou!
        bjks

        Responder
  4. Helen
    24 de outubro de 2013 at 0:34 (7 anos ago)

    Muito fofo! Acho sim que temos que comemorar essas datas! (Já meu marido me acha a louca quando falo essas coisas kkkkk mas no final das contas, ele participa!)
    E concordo contigo: filhote de 4 patas é um excelente treino! A única parte que ainda não consegui aprender foi “resistir a carinhas fofíssimas e botar limites” Sou péssima para isso! Como disciplinadora canina, eu sou um desastre! (essa parte, quem toma conta é o Thiago…) É só a Poly me olhar com aqueles olhinhos estilo gatinho do Shrek, que eu me derreto toda! (e aí acabo colocando a pestinha na cama, dou resto de comida, etc…uma vergonha!)

    Responder
    • Jackie Mota
      24 de outubro de 2013 at 15:53 (7 anos ago)

      hahaha olha, eu disse que serve pra treinar, mas não pra gente dominar a arte do não, ne? rs A Polly com carinha de gatinho do Shrek é mesmo irresistível. Maquiavel e Foucault sempre conseguem derreter meu coração também, não tem jeito. Mas é bom a gente ir aprendendo a resistir com eles rs
      Eu adorei comemorar, ainda mais que o Foucault tinha acabado de chegar à família. Foi super divertido!
      bjs,

      Responder
  5. Fer Nanda
    23 de outubro de 2013 at 2:08 (7 anos ago)

    Oi Jackie,
    eu nunca pensei em fazer uma festa pro meu filhote mas todo ano compramos um bolinho no dia do aniversário dele.
    Acho que o pessoal que eu conheço não ia entender uma festa. Qdo eu postei a foto do bolo já recebi umas mensagens não muito agradáveis…
    Mas adorei sua festinha!! Parabéns aos bbs.

    bjuss

    Responder
    • Jackie Mota
      23 de outubro de 2013 at 11:44 (7 anos ago)

      Fer, acho que sempre vai ter gente pra criticar, sabe? Tem gente que ad vê alguma ação pré-animais, por exemplo, diz “ah, mas com tanta criança sofrendo no mundo?”. Sabe, não tem jeito. Mas eu acho que qd a gente faz algo pq a gente quer ser feliz mesmo, pra unir a família, passar um tempo legal com amigos, não tem como falar contra. Eu até achei que qd fizesse essa festinha fosse ouvir coisas do gênero, mas não aconteceu. Td mundo sabe que amo meus filhotes e que eles me mudaram, então acho que td mundo percebeu que não tinha mal nenhum =)
      bjs

      Responder
  6. Fernanda
    23 de outubro de 2013 at 1:41 (7 anos ago)

    Lindos! Só faltou uma foto da Fifi! =P

    Responder
    • Jackie Mota
      23 de outubro de 2013 at 11:45 (7 anos ago)

      Oi Fernanda, ficou uma grçaa né?
      Não coloquei fotos de tds os convidados pta não ficar muito grande. MAs Fifi esta no nosso album no FB ta?
      bjs,

      Responder

Leave a Reply