Um pequeno livro de introdução ao Mindfullness

Em 2014, contei aqui no blog que havia conhecido a meditação Mindfulness na viagem de volta para casa da Ásia. Mindfulness é um método de meditação, uma filosofia do estar, integralmente, no presente, o estado mental de atenção plena. O Rômulo me deu um livro sobre o tema – “ Wherever you go, there you are – Mindfulness meditation in everyday life”, do Jon Kabat-Zinn – e foi com ele que comecei a descobrir esse caminho. Queria já ter abordado mindfulness aqui no blog desde então, mas esse livro, embora seja ótimo, não  tem tradução para português e nem está à venda no Brasil e eu gosto de fazer indicações acessíveis. Então, meus problemas acabaram quando a Editora Agir lançou uma trilogia de sobre Mindfulness do monge vietnamita Thich Nhat Hanh.

 livro de introdução ao Mindfullness

A arte de sentar, A arte de comer e A arte de amar compõem a coleção Mindfulness Essenciais. O primeiro,  A Arte de sentar, é ideal para quem ainda não medita e quer conhecer o método. É um livro de introdução ao mindfulness, com uma linguagem simples, textos curtinhos em uma edição de bolso levinha, mas com capa dura – ou seja, resiste à bolsa nossa de cada dia. Além disso, têm ótimo preço – R$ 9,90 na Amazon, por exemplo, e também está disponível para Kindle.

Eu indico muitíssimo Mindfulness para todo mundo, mas especialmente sente os efeitos da ansiedade e para todos com rotinas agitadas ou conectadas demais. Parar um pouquinho todo dia e se sentir no presente irá, aos poucos e naturalmente, modificar as escolhas do seu estilo de vida. De alguma forma ao começar a se dedicar totalmente a cada ação o fará perceber o que realmente é importante, e fazer isso permanecer, e também o que é totalmente dispensável, e deixar isso ir embora sem sofrimentos.

Quando sugiro meditação aos meus amigos, a maioria diz que não consegue ficar parado, ou que não têm tempo ou coisas do gênero baseadas no estereótipo de meditar. Então, esse livrinho é uma ótima dica se você se sente tão atarefado e ocupado que não poderia dispor de 5 minutos por dia para praticar uma atividade para você. Pegue um textinho por dia, você não vai levar mais que 2 minutos. Use sobras de tempo que você encontra no transporte pro trabalho, ou, o que é ideal e fará seu dia muito melhor, aqueles minutinhos logo que você acorda, ainda na cama. É rápido, simples, e uma das poucas atividades novas que garanto que não vão te fazer sentir inadequado, uma boa forma de começar se você não se sente à vontade para ir a uma aula de meditação ou yoga, por exemplo.

 livro de introdução ao Mindfullness

Ah sim, você pode, sim, praticar em público, no metrô, no restaurante. Ninguém vai perceber. A arte de sentar é a arte de não fazer nada e talvez você só chame atenção mesmo por ser o único a não estar checando seu smartphone.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre o autor, no Youtube tem uma entrevista que ele deu à Oprah:

Depois do A arte de sentar, minha próxima leitura será o Arte de comer, que pressinto que gostarei imensamente, pois minha relação com a comida, naturalmente, já se modificou muito com a yoga e o mindfulness e esse livrinho parece poder me levar para um próximo nível.

Espero que você tenha gostado da dica e, mais ainda, que se permita conhecer Mindfulness e desfrutar, mais, da sua própria vida.

Compre na Amazon: você não paga nada a mais, e eu recebo pequena comissão:

A arte de sentar: em edição impressa capa dura por R$ 9,90 e para Kindle por R$ 14,99 
A arte de comer: em edição impressa capa dura por R$ 9,90 e para Kindle por R$ 14,16
A arte de amar: em edição impressa capa dura por R$ 9,90 e para Kindle por R$ 14,16

Cresceu no interior de Minas, sempre cercada de livros. Desde criança tem uma alma antiga. Encontrou no Rio o amor da sua vida, com quem ama viajar e se casar (again and again). É mãe de dois buldogues, Maquiavel e Foucault, jornalista e mestre em Estudos Estratégicos.

Leave a Reply